Arquivo mensal: agosto 2012

Escolha o filme para a quinta sessão do Cinealmofada

No mês de setembro a curadoria do Cinealmofada, realizado pelo Coletivo Cine Cultura, ficou por conta de Bruna Castanheira e João Henrique Pacheco. O critério para a escolha dos filmes das duas sessões desse mês foi amplo: a arte na vida cotidiana.

Propondo um olhar oriental e ocidental do tema, a intenção dessa curadoria é mostrar as diferentes relações entre os indivíduos e as artes. E como essa relação está presente de modo banal ou marcante na vida de cada um.

Através dessas obras, o público poderá se identificar. Afinal, são filmes de arte, atraentes e embutidos com a beleza do cotidiano.

Assim, o convidamos para conferir a ficha técnica dos filmes, escolher o seu favorito e votar na enquete abaixo. O filme mais votado será exibido na sessão do dia 9 de setembro.

SONATA DE TÓQUIO

Tokyo Sonata é o retrato de uma família japonesa aparentemente normal. O pai que bruscamente perde seu trabalho esconde a verdade de toda família; o filho mais velho que quase não pára em casa quer se alistar no exército de outro país; o mais novo, começa a fazer aulas de piano escondido dos pais, e a mãe, que sabe que seu papel é manter a família unida, não encontra suficiente vontade para isso. De alguma maneira, um profundo abismo aparece dentro da família, e se estende rápido e silenciosamente para desintegrá-los. Tudo isso num filme que parte do drama, chegando a parecer um filme de humor negro, mas sem perder nada.

Direção: Kiyoshi Kurosawa

Título Original: Tôkyô Sonata 

País: Japão

Ano: 2008

Gênero: Drama

Duração: 115′

Classificação Indicativa: Livre

 

UM INSTANTE DE INOCÊNCIA

Em Teerã, um ex-policial de seus 40 anos procura o cineasta Mohsen Makhmalbaf. Vem cobrar o cumprimento de uma antiga promessa. Dois anos antes, o diretor lhe prometeu um papel em seu próximo filme. Na verdade, o primeiro contato entre os dois homens deu-se muito antes, 20 anos atrás, em circunstâncias bem dramáticas. Era o governo do Xá Rheza Pahlevi. Mohsen, então com 17 anos, era um dissidente. Numa manifestação, apunhalou o policial, tentando tomar-lhe o revólver. Este defendeu-se atirando em Mohsen, que acabou preso e torturado. A Revolução Islâmica do aiatolá Khomeini muda todo o quadro político. Quinze anos depois do incidente, o mesmo policial, agora fora da força, candidatou-se a um papel em Salve o Cinema. Mas só dois anos depois é que isto acabou acontecendo. Então, o cineasta decide filmar o confronto entre os dois, desta vez usando atores. Não há vilões, nem heróis: só a tentativa de compreender dois pontos de vista opostos numa situação-limite.

Direção: Mohsen Makhmalbaf

Título Original: Nun va Goldoon

País: Irã

Ano: 1996

Gênero: Drama

Duração: 78′

Classificação Indicativa: Livre

A votação se encerra às 15 horas do dia 3 de setembro.

Coletivo Cine Cultura convida para reunião aberta

Cinealmofada chega à sua quarta sessão exibindo documentário raro na Praça Cívica

A quarta sessão do Cinealmofada exibe no próximo domingo, dia 26 de agosto, às 19 horas, ao ar livre na Praça Cívica, o documentário Pela Continuação do Mundo (Pour La Suite Du Monde) dirigido por Pierre Perrault e Michel Brault. O Cinealmofada nasceu de uma discussão na internet, com o intuito de reviver em Goiânia a simplicidade que um bom cinema é capaz de envolver e acontece sempre no segundo e no último domingo de cada mês, na Praça Cívica, em frente ao Centro Cultural Marieta Telles Machado, onde fica o Cine Cultura.

A cada mês, uma nova dupla de curadores é mobilizada para a sugestão dos filmes, Sophia Pinheiro e Henrique Borela, curadores das sessões do mês de agosto sugeriram os documentários Pela Continuação do Mundo e Jaguar, do diretor Jean Rouch. Os filmes sugeridos foram votados através de uma enquete publicada no blog do Cine Cultura (www.cineculturagoias.wordpress.com). Mais de 200 pessoas participaram da votação que escolheu Pela Continuação do Mundo para ser exibido no próximo domingo.

Realizado em 1962 o documentário Pela Continuação do Mundo  mostra que durante séculos, os pescadores da Ilha dos Coudres pegaram cachalotes. As almas dos mortos eram invocadas pelo sucesso da pesca e uma técnica única era utilizada: os homens armavam uma armadilha de galhos na areia da costa, na maré baixa, para capturar baleias brancas, uma tradição que foi abandonada em 1920. O filme é a história do que aconteceu quando os antigos da ilha foram convencidos a retomar a prática de caçar baleias. A obra inaugura o cinema verdade dentro do cinema direto canadense e foi feita dois anos depois que Michel Brault, um dos diretores, participou como câmera da realização de Crônicas de um Verão, de Jean Rouch e Edgar Morin.

O Cinealmofada faz parte do processo de revitalização do Cine Cultura. A última sessão reuniu cerca de 300 pessoas na Praça Cívica e foi um sucesso. Um concurso elegeu as duas almofadas mais bonitas e os vencedores ganharam um cartaz da sessão e um boton do Cinealmofada. A fórmula para esta quarta sessão continua a mesma: um projetor, uma tela, o público e almofadas. Tudo ao ar livre em pleno centro de Goiânia.

O Cinealmofada é realizado pelo Coletivo Cine Cultura – Associação dos Amigos do Cine Cultura, uma instituição civil de direito privado, sem fins lucrativos e de natureza cultural. A simplicidade, a coletividade e espontaneidade são as marcas do projeto, cuja produção é feita por meio de reuniões do Coletivo Cine Cultura abertas a toda comunidade. Traga a sua almofada e o seu lanche, cuide do lixo que produzir e venha para Praça Cívica curtir cinema ao ar livre.

Serviço:

Cinealmofada – sessões gratuitas de cinema ao ar livre.

Filme: Pela Continuação do Mundo (Pour La Suite Du Monde), de Pierre Perrault e Michel Brault.

Data: domingo, 26 de agosto.

Horário: 19 horas.

Local: Praça Cívica (em frente ao Cine Cultura).

O que levar?  Sua família, seus amigos, sua almofada, seu lanchinho e seu saco de lixo.

Realização: Coletivo Cine Cultura

Informações: Facebok.com/cinealmofada

Coletivo Cine Cultura – coletivocinecultura@gmail.com (62) 8209-5407

Cine Cultura – cineculturagoias@gmail.com  (62) 32014670

ENTRADA FRANCA

CLASSIFICAÇÃO LIVRE

Cinealmofada divulga filme escolhido para sua quarta sessão

A votação do filme para o próximo Cinealmofada foi encerrada. Agradecemos a todos que participaram!

Segue o resultado:

Com a votação encerrada fica definido que no próximo domingo, dia 26 de agosto, o Cinealmofada irá exibir o documentário PELA CONTINUAÇÃO DO MUNDO (Pour La Suite Du Monde) dos diretores Pierre Perrault e Michel Brault.

Contamos com a presença de todos vocês.

Até lá!

Escolha o filme para a próxima sessão do Cinealmofada

É com muito prazer que iniciamos a votação para a quarta sessão do Cinealmofada, sessão que está marcada para o dia 26 de agosto. Os curadores deste mês, Henrique Borela e Sophia Pinheiro, escolheram os seguintes filmes para votação: PELA CONTINUAÇÃO DO MUNDO (Por La Suite Du Monde) de Pierre Perrault e Michel Brault e JAGUAR de Jean Rouch.

A curadoria deste mês está voltada para as relações entre antropologia e cinema, nos seus diversos gêneros, entre animações e documentários, contemplando aspectos interculturais, mitológicos e imagéticos. Os filmes estão entre o documentário a ficção e o vídeo etnográfico  e são de grande importância para o gênero e suas escolas. O primeiro inaugura o cinema verdade dentro do cinema direto canadense e o segundo, do criador do cinema verdade, o cineasta e etnólogo Jean Rouch, é a primeira ficção etnográfica do diretor cujo o procedimento voltará a ser adotado em vários filmes de Rouch.

Confira a ficha técnica dos filmes, escolha o seu favorito e vote na enquete abaixo.

A votação se encerra à meia-noite do dia 19 de agosto.

   

PELA CONTINUAÇÃO DO MUNDO (POUR LA SUITE DU MONDE)

Gênero: Documentário

País: Canadá

Ano: 1962

Cor: P&B

Duração: 106′

Direção: Pierre Perrault e Michel Brault

Classificação Indicativa: Livre

Sinopse: Pierre Perrault e Michel Brault foram atraídos para a Ilha dos Coudres por duas razões: a linguagem do povo que vivia nesta pequena ilha no rio Saint Lawrence e as baleias. Durante séculos, os pescadores da Ilha dos Coudres pegaram cachalotes. As almas dos mortos eram invocadas pelo sucesso da pesca e uma técnica única era utilizada: os homens armavam uma armadilha de galhos na areia da costa, na maré baixa, para capturar baleias brancas, uma tradição que foi abandonada em 1920. O filme é a história do que aconteceu quando os antigos da ilha foram convencidos a retomar a prática.

  JAGUAR

Gênero: Documentário

País: França

Ano: 1967

Cor: Colorido

Duração: 72′

Direção: Jean Rouch

Classificação Indicativa: Livre

Sinopse: Quando começou o filme Jaguar, em 1954, o cineasta e etnólogo Jean Rouch queria estudar a migração dos jovens que saíam do Níger para procurar trabalho (e também aventura e fortuna) na Costa do Ouro, atual Gana. Mas é muito difícil fazer um documentário sobre migrações, ele diria em 1981; assim, decidimos fazer um filme de ficção. Não havia “argumento”. Rouch apenas escolheu os migrantes que filmaria e os acompanhou por um ano, registrando um “diário de viagem” quase todo sem som. Depois, em estúdio, pediu-lhes que comentassem o que se passava na tela – e os personagens revelaram um fantástico poder de improvisação. Em seu primeiro longa-metragem, Rouch inventava um recurso que confundia as fronteiras entre documentário e ficção. As convenções da linguagem documental foram efetivamente subvertidas, dando lugar à fabulação e à construção de uma nova realidade em película.

Cinealmofada exibe filme de animação na Praça Cívica neste domingo

A terceira sessão do Cinealmofada exibe no próximo domingo, dia 12 de agosto, às 19 horas, ao ar livre na Praça Cívica, o filme de animação O Segredo de Kells (indicado ao Oscar em 2010) dos diretores Tomm Moore e Nora Twomey. O projeto Cinealmofada nasceu de uma discussão na internet, com o intuito de reviver em Goiânia a simplicidade que um bom cinema é capaz de envolver e acontece sempre no segundo e no último domingo de cada mês, na Praça Cívica, em frente ao Centro Cultural Marieta Telles Machado, onde fica o Cine Cultura.

Cerca de 150 pessoas escolheram através de votação aberta na internet a animação O Segredo de Kells para ser exibido no próximo domingo. A história do filme segue as aventuras de um garoto, um jovem monge em treinamento, enquanto ele trabalha como iluminador para terminar o Livro de Kells, o manuscrito latino transcrito por monges celtas por volta de 800 d.C. e considerado um tesouro nacional irlandês. Rico de mitos pagãos e simbolismo jungiano, o filme é ricamente ilustrado para imitar o estilo sem perspectiva da arte pré-renascentista.

Sophia Pinheiro e Henrique Borela, curadores das sessões do mês de agosto do Cinealmofada sugeriram O Segredo de Kellsjuntamente com Princesa Mononoke, do diretor Hayao Miyazaki para votação na internet. Para Sophia, o filme vencedor tem um aspecto mitológico e imagético que se conecta à um olhar antropológico. Eis a chave de curadoria que contempla os filmes que assistiremos esse mês no Cinealmofada. Se para esta edição foram pensados filmes de animação, para a próxima sessão a dupla de curadores promete surpresas!

No processo de realização do Cinealmofada, os curadores sugerem os filmes mas é o público que decide o que vai assistir através de enquete on line montada na página do Cinealmofada  (www.facebook.com/cinealmofada) e no blog do Cine Cultura (www.cineculturagoias.wordpress.com). Além disso, a cada mês, uma nova dupla de curadores é mobilizada para a sugestão dos filmes.

O Cinealmofada já contou com duas sessões e faz parte do processo de revitalização do Cine Cultura, empreendido pelo Coletivo Cine Cultura juntamente com o próprio Cine Cultura. A última sessão contou com um público de cerca de 300 pessoas e foi um sucesso! A fórmula para esta segunda sessão continua a mesma: um projetor, uma tela, o público e almofadas. Tudo ao ar livre em pleno centro de Goiânia.

O Cinealmofada é realizado pelo Coletivo Cine Cultura – Associação dos Amigos do Cine Cultura, uma instituição civil de direito privado, sem fins lucrativos e de natureza cultural. A simplicidade, a coletividade e espontaneidade são as marcas do projeto, cuja produção é feita por meio de reuniões do Coletivo Cine Cultura abertas a toda comunidade. Traga a sua almofada e o seu lanche, cuide do lixo que produzir e venha para Praça Cívica curtir um cinema ao ar livre.

 Adorável e imperdível!

SERVIÇO:

Cinealmofada – sessões gratuitas de cinema ao ar livre.

Filme: “O Segredo de Kells”, dos diretores Tomm Moore e Nora Twomey.

Local: Centro Cultural Marietta Telles Machado, Praça Cívica em frente ao Cine Cultura.

Data: 12 de agosto.

Horário: 19 horas.

O que levar?  Sua família, seus amigos, sua almofada, seu lanchinho e seu saco de lixo.

Realização: Coletivo Cine Cultura – Associação do Amigos do Cine Cultura

Informações: Coletivo Cine Cultura – coletivocinecultura@gmail.com (62) 8209-5407/ Cine Cultura – cineculturagoias@gmail.com  (62) 32014646 

 

ENTRADA FRANCA!

 CLASSIFICAÇÃO INDICATIVA LIVRE