Arquivo mensal: novembro 2014

Mostra de cinema do Goiânia Noise é aberta nesta quinta no Cine Cultura

O Cine Cultura sedia entre os dias 27 de novembro e 3 de dezembro a mostra Cine Esquema Noise como parte da programação da vigésima edição do Goiânia Noise Festival. O evento é realizado pela Monstro Discos e Saraivada Produções Culturais. A entrada é gratuita.

A mostra Cine Esquema Noise nasce na comemoração dos vintes anos do Goiânia Noise Festival, um dos mais importantes festivais da música independente brasileira, realizado há duas décadas na capital goiana. Com cerca de vinte filmes em sua programação – entre curtas, médias e longas; obras de ficção, documentário e experimental – o Cine Esquema Noise é o barulho levado à tela do cinema para narrar, contar, refletir, homenagear, resgatar, criticar, ridicularizar tudo o que diz respeito à música brasileira e à mundial.

A curadoria para a mostra se baseou em critérios por vezes aleatórios. Na programação, há filmes de diversos locais do Brasil e até mesmo uma produção internacional. São obras das décadas de 1990, 2000 e 2010. Muitas, inclusive, vistas como “clássicas” por fãs dessa junção entre cinema e música – mas que, nem por isso, deixam de ter relevância nesta programação.

O foco principal é o rock, mas outros estilos ganham as telas. O Cine Esquema Noise promete apresentar o que há de melhor na produção independente, underground, politicamente e/ou esteticamente engajada do cinema e música brasileiros.

CINE ESQUEMA NOISE_Cine- Cultura-eflyer

Programação:

Cine Esquema Noise

27 de novembro a 03 de dezembro de 2014

Cine Cultura, Goiânia – GO

Entrada Gratuita

27/11 (Quinta-feira)
19h – Sessão especial de abertura da mostra Cine Esquema Noise com projeção em VHS do filme Hated: G.G. Allin and the Murder Junkies (Todd Phillips, 1993, 90’, EUA).
21h – Geração Baré-Cola: Usuários de Rock (Patrick Grosner, 2014, 73’).
28/11 (Sexta-feira)
19h – Di Melo: O Imorrível (Alan Oliveira e Rubens Passaro, 2011, 24’).
19h30 – O Diabo Era Mais Embaixo (Manu Maltez, 2014, 45’).
20h30 – Desagradável (Fernando Rick, 2013, 120’).
 
29/11 (Sábado)
17h – Ruído das Minas: A Origem do Heavy Metal em Belo Horizonte (Filipe Sartoreto, Gracielle Fonseca e Rafael Sette Câmara, 2009, 83’).
18h30 – Botinada: A Origem do Punk no Brasil (Gastão Moreira, 2006, 75’).
19h30 – Pelos Escombros (Ivan Vale Ferreira, 2009, 50’). 
20h30 – Inocentes: 30 Anos (Carol Thomé e Duca Mendes, 2011, 30’).
21h15 – Guidable: A Verdadeira História do Ratos de Porão (Fernando Rick, 2008, 120’).
 
30/11 (Domingo)
17h – Loki: Arnaldo Baptista (Paulo Henrique Fontenelle, 2007, 120’).
19h15 – Siba: Nos Balés da Tormenta (Caio Jobim e Pablo Francischelli, 2012, 85’).
21h – Mobília em Casa: Móveis Coloniais de Acaju e a Cidade (José Eduardo Belmonte, 2014, 77’).
 
01/12 (Segunda-feira)
19h – Como Irritar Dândis do Hardcore: Lições Práticas Vol. 01 (Gurcius Gewdner, 2012, 15’)
19h30 – Guerrilha Gerador (Danilo Sevali, 2013, 65’).
20h45 – Renato Está Morto (Danilo Sevali, 2014, 10’).
21h – Ratos de Porão: 30 Anos Crucificados Pelo Sistema (Fernando Rick, 2014, 55’)
 
02/12 (Terça-feira)
19h – O Rap pelo Rap (Pedro Henrique Fávero, 2014, 73’).
20h30 – Lobão: Não Há Estilo Sem Fracasso (Fábio Salva, 2011, 15´).
21h – RPW: 20 Anos (Ivan Vale Ferreira, 2012, 52’).
 
03/12 (Quarta-feira)
19h – Lançamento do DVD do filme Nas Paredes da Pedra Encantada (Cristiano Bastos e Leonardo Bomfim, 2011, 120´) pela Monstro Filmes e debate com realizadores após a sessão.
Veja aqui as sinopses dos filmes.
 
 
Cine Cultura – Sala Eduardo Benfica
Centro Cultural Marieta Telles Machado, Praça Cívica, nº 2, Goiânia – GO.Tel.: (62) 3201 – 4670

Exibição de “Home – Nosso planeta, nossa casa” nesta segunda-feira

Integrando as atividades da I Semana da Ecologia Urbana de Goiânia, a ser realizada entre os dias 25 e 30 de novembro de 2014, no auditório da Área II da Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC-GO), o Cine Cultura cede seu espaço para uma abertura e ambientação do público para o evento, com a exibição do filme “Home – Nosso planeta, nossa casa” (2009), de Yann Arthus-Bertrand. A sessão acontecerá às 19 horas e terá entrada gratuita.

Informamos que as sessões de Ventos de Agosto e Uma Passagem para Mário retornam  na terça-feira nos horários normais, 19h e 21h respectivamente. Ingressos R$ 8,00 (inteira) e R$ 4,00 (meia-entrada).

home06

 

Gênero: Documentário
Direção: Yann Arthus-Bertrand
Duração: 98 min.
Ano: 2009
País: França
 
Sinopse: Após a Terra sofrer várias interferências humanas, todas as riquezas do planeta correm risco. Agora, a solução se mostra cada vez mais impossível de ser encontrada.

 

Sessões canceladas no domingo (23/11)

B3EwIZ9IEAERJPXInformamos que as sessões de “Ventos de Agosto” e “Uma Passagem para Mário” neste domingo, estão canceladas.

O motivo é a oscilação de energia na projeção, o que impossibilita a exibição dos filmes. Esperamos que o problema seja resolvido o mais rápido possível.

Agradecemos a compreensão.

Att,
Equipe Cine Cultura

Cine Cultura estreia nesta quinta ‘Ventos de Agosto’ e ‘Uma Passagem para Mário’

Cine Cultura estreia nesta quinta ‘Ventos de Agosto’ e ‘Uma Passagem para Mário’

A programação do Cine Cultura retorna nesta quinta-feira, 20 de novembro com duas produções brasileiras em cartaz. Trata-se do documentário de longa-metragem “Uma Passagem para Mário”, de Eric Laurence que retorna a cartaz com sessões às 21 horas (20h30 no final de semana). Entra também em cartaz o longa “Ventos de Agosto” com sessões às 19 horas nos dias de semana, e às 18h30 no sábado e no domingo.

Ventos de Agosto

Shirley deixou a cidade grande para viver em uma pequena e pacata vila litorânea cuidando de sua avó. Ela trabalha numa plantação de coco dirigindo trator e, mesmo isolada, cultiva o gosto pelo punk rock e o sonho de ser tatuadora. Ela está de caso com Jeison, um rapaz que também trabalha na fazenda de cocos e nas horas vagas faz pesca subaquática de lagosta e polvo. Durante o mês de Agosto, com a chegada das tempestades e da maré alta, um estranho pesquisador chega na Vila para registrar o som dos ventos alísios que emanam da Zona de Convergência Intertropical. Os ventos crescentes marcarão os próximos dias da pequena vila colocando Shirley e Jeison numa jornada sobre perda e memória, a vida e a morte, o vento e o mar.

‘Ventos de Agosto’ entra em cartaz no Cine Cultura com sessões às 19h nos dias de semana (não haverá sessão na segunda-feira), e às 18h30 no sábado e domingo. O filme não é recomendado para menores de 14 anos.

Uma Passagem para Mário

“Uma passagem para Mário” fala sobre amizade e superação da morte – é o primeiro longa-metragem de Eric. O documentário, um road movie, tem 77 minutos e faz uma reflexão sobre jornadas e ciclos e a vida que escolhemos ter junto aos nossos afetos. O percurso envolve o Recife, cidades bolivianas como Santa Cruz de La Sierra, Sucre, Potosí e Uyuni, e chilenas, como San Pedro de Atacama, no deserto do Atacama. Para o diretor, o filme fala sobre a importância de vivermos intensamente as amizades, os amores e o momento presente, já que tudo pode acontecer a qualquer instante.

‘Uma Passagem para Mário’ retorna a cartaz no Cine Cultura com sessões às 21h nos dias de semana (não haverá sessão na segunda-feira) e às 20h30 no sábado e domingo. O filme não é recomendado para menores de 12 anos.

Serviço:

Programação do Cine Cultura | 20 a 26 de novembro

Ingressos: R$ 8 Inteira / R$ 4 Meia.

Local: Cine Cultura – Centro Cultural Marieta Telles, Praça Cívica, nº 2.

Informações: 3201 – 4670


Ventos de Agosto

Sessões:  19h (dias de semana); 18h30 (sábado e domingo) – não haverá sessão segunda-feira

Direção: Gabriel Mascaro

Drama | 77 min | Brasil | Não recomendado para menores de 14 anos

Sinopse: Agosto. Um pesquisador de som de ventos alísios desembarca em uma pacata vila de pescadores e abala a rotina de Shirley (Dandara de Morais), que trabalha em uma fazenda, e Jeison (Geová Manoel dos Santos), praticante da pesca submarina. A maré está alta, os ventos fortes e a vila nunca mais será a mesma.

Uma Passagem para Mário

Sessões:  21h (dias de semana); 20h30 (sábado e domingo) – não haverá sessão segunda-feira

Direção: Eric Laurence

Documentário | 77 min | Brasil | Não recomendado para menores de 12 anos

Sinopse:  Eric Laurence planeja uma viagem com o grande amigo Mário Duques, que tem câncer. Partir do Recife, cruzar a Bolívia e finalmente chegar ao deserto do Atacama, no Chile. Mais do que um diário de viagem, um documentário sobre amizade, vida e morte.

 
Cine Cultura – Sala Eduardo Benfica
Centro Cultural Marieta Telles Machado, Praça Cívica, nº 2, Goiânia – GO.Tel.: (62) 3201 – 4670

Não haverão sessões até quinta (20)

Informe: O Cine Cultura estará fechado para manutenção, nesta segunda, terça e quarta-feira. As sessões voltarão a seus horários normais, com novas estreias, na quinta-feira, 20 de novembro.

Att.

Equipe Cine Cultura

Cine Cultura recebe Cambury Mostra Curtas e a 9ª Mostra de Cinema e Direitos Humanos a partir de segunda (10)

Filmes em cartaz permanecem até domingo, 09 de novembro

uma-passagem-para-mario

Estreia nesta quinta-feira, 06 de novembro, no Cine Cultura, o documentário de longa-metragem Uma passagem para Mário, com sessão às 17 horas. A exibição será reapresentada somente na sexta-feira, dia 7.

Os filmes em cartaz Miss Violence e Riocorrente continuam em exibição até domingo, 9, com sessões nos horários regulares, às 19 horas durante a semana e às 18h30 no sábado e domingo; e às 21 horas durante a semana e às 20h30 no sábado e domingo, respectivamente. Os ingressos custam R$ 8 (inteira) e R$ 4 (meia).

cby-mostra-curtas-alphaA partir de segunda-feira, dia 10, o Cine Cultura recebe duas mostras de filmes em sua programação: a Cambury Mostra Curtas e a Mostra de Cinema e Direitos Humanos no Hemisfério Sul. Às 19 horas, a 10ª edição do Cambury Mostra Curtas, mostra organizada pela Escola de Fotografia e Cinema da Faculdade Cambury, exibe produções audiovisuais dos alunos da instituição. A entrada é gratuita.

Na terça-feira, 11, a partir das 20 horas, o Cine Cultura sedia a 9ª Mostra de Cinema e Direitos Humanos no Hemisfério Sul. Com entrada gratuita, a mostra exibe ao todo 41 filmes, todos com sistema closed caption e sessões que incluem audiodescrição, voltadas para pessoas com deficiência visual.

As sessões serão divididas entre Mostra Competitiva, Mostra Memória e Verdade, Mostra Homenagem Lúcia Murat e Sessão Inventar com a Diferença. A programação segue até 16 de novembro.

A realização é da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, em parceria com o Ministério da Cultura (MinC) e a Universidade Federal Fluminense (UFF), com o apoio da Empresa Brasil de Comunicação (EBC) e Fundação Euclides da Cunha, além do patrocínio da Petrobras e do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Em Goiânia, a coordenação e produção local é realizada pelo Instituto de Cultura e Meio Ambiente – Icumam.

10620256_780200282049968_9044825201748216863_o

Serviço:

Programação do Cine Cultura | até 16 de novembro

Ingressos: R$ 8 (inteira) / R$ 4 (meia) / Entrada gratuita durante as mostras

Local: Cine Cultura – Centro Cultural Marieta Telles, Praça Cívica, nº 2

Informações: 3201 – 4670


Uma Passagem para Mário

Sessões:  17h – somente quinta e sexta-feira

Direção: Eric Laurence

Documentário | 77 min | Brasil | Digital |12 anos

Sinopse:  Eric Laurence planeja uma viagem com o grande amigo Mário Duques, que tem câncer. Partir do Recife, cruzar a Bolívia e finalmente chegar ao deserto do Atacama, no Chile. Mais do que um diário de viagem, um documentário sobre amizade, vida e morte.

Miss Violence

Sessões:  19h (segunda a sexta); 18h30 (sábado e domingo).

Direção: Alexandros Avranas

Drama | 98 min | Grécia | Digital |18 anos

Sinopse:  Aggeliki (Chloe Bolota) no seu aniversário de 11 anos se joga da varanda de casa com um sorriso no rosto. Sua família alega que não foi suicídio, mas sim um acidente e  parece conformada com a morte da menina tentando, de todas as formas, continuar com suas vidas, perfeitamente organizadas. Em busca de respostas, promotores começam uma investigação para saber se foi, ou não suicídio e quais são os segredos obscuros que essa família, aparentemente perfeita guarda.

 Riocorrente

Sessões:  21h (segunda a sexta); 20h30 (sábado e domingo).

Direção: Paulo Sacramento

Drama | 79 min | Brasil | 35mm |14 anos

Sinopse:  São Paulo é um barril de pólvora prestes a explodir. Em meio ao turbilhão da cidade, um jornalista, um ex-ladrão de automóveis e uma mulher misteriosa vivem um intenso triângulo amoroso. O choque entre seus desejos e o atrito entre as faces opostas da cidade apontam a urgência de mudanças radicais.

 
Cine Cultura – Sala Eduardo Benfica
Centro Cultural Marieta Telles Machado, Praça Cívica, nº 2, Goiânia – GO.Tel.: (62) 3201 – 4670