Arquivo mensal: julho 2015

Longa búlgaro “A Lição” entra em cartaz no Cine Cultura

A ética de uma professora é tema do filme A Lição, que estreia nesta quinta-feira, 23/7, no Cine Cultura. A obra tem direção de Kristina Grozeva e Petar Valchanov, e será exibida nas sessões das 17 horas, de segunda a domingo. Continua em cartaz na sala o longa-metragem Romance Policial, do diretor chileno radicado no Brasil, Jorge Durán, com exibição às 19 horas (segunda a domingo). O ingresso custa R$8 (inteira) e R$4 (meia) e pessoas acima de 60 anos têm entrada gratuita.

519930-970x600-1

A Lição retrata o drama de uma professora (Margita Gosheva) que mora em uma pequena cidade búlgara. Extremamente honesta, ao descobrir que um de seus alunos roubou uma pequena quantia em dinheiro, ela passa a investigar quem foi o autor do ato para mostrar que aquilo não é a atitude mais correta. Ao mesmo tempo, ela precisa tomar medidas desesperadas para evitar a ruína financeira de sua família.

Já a produção Romance Policial é o quinto filme do roteirista Jorge Durán, que criou uma trama envolvendo romance, crime, investigação e suspense. Narrada em espanhol, a obra conta a história de Antônio, um escritor brasileiro (vivido por Daniel Oliveira) que parte para o Chile em busca de emoções e material para escrever um romance.

Na árida paisagem do Deserto do Atacama, ele se envolve com a misteriosa Florencia (Daniela Ramirez), uma jovem que o conduz a um mergulho em um enigma local.

Serviço:

Programação do Cine Cultura | 23 de julho a 05 de agosto

Ingressos: R$ 8 Inteira / R$ 4 Meia / Acima de 60 anos não pagam

Local: Cine Cultura – Centro Cultural Marieta Telles, Praça Cívica, nº 2.

Informações: 3201 – 4670


A Lição [ESTREIA]

Sessões:  17h (todos os dias);

Direção: Kristina Grozeva/Petar Valchanov

Drama | 105min | Bulgária | Classificação: 12 anos

Sinopse: Uma honesta professora (Margita Gosheva) de uma pequena cidade búlgara descobre que um de seus alunos roubou uma pequena quantia em dinheiro. Agora, ela precisa descobrir quem foi para ensinar o que é certo ou errado. Ao mesmo tempo, a mulher precisa tomar medidas desesperadas para evitar a ruína financeira de sua família.

Romance Policial

Sessões:  19h (todos os dias);

Direção: Jorge Duran

Drama | 98min | Brasil | Classificação: 14 anos

Sinopse: O funcionário público – e escritor nas horas vagas – Antônio (Daniel de Oliveira) viaja até o Deserto do Atacama, no Chile, em busca de inspiração para um conto. Acaba encontrando um corpo e é impedido de voltar ao Brasil. Ao se envolver com Florencia (Daniela Ramirez), uma moradora local, ele desvenda o crime e escreve sua grande obra.

Anúncios

Cine Cultura estreia o longa ‘Romance Policial’ nesta quinta (16)

O Cine Cultura, da Secretaria de Estado de Educação, Cultura e Esporte (Seduce), estreia nesta quinta-feira, 16/7, o filme Romance Policial, do diretor chileno radicado no Brasil, Jorge Durán, nas sessões das 19 horas (de segunda a domingo). O longa-metragem Jauja, do argentino Lisandro Alonso, continua em cartaz na sala no primeiro horário, às 17 horas (segunda a domingo).

filme_romance_policial_-_divulgacao_02

Romance policial é o quinto filme do experiente roteirista Jorge Durán, que criou uma trama envolvendo romance, crime, investigação e suspense. Falado em espanhol, a obra conta a história de Antônio, um escritor brasileiro (vivido por Daniel Oliveira) que parte para o Chile em busca de emoções e material para escrever um romance. Na árida paisagem do Deserto do Atacama, Antônio envolve-se com a misteriosa jovem Florencia (Daniela Ramirez), que o conduz a mergulhar em um enigma local.

Já o longa Jauja é uma coprodução filmada em dois idiomas. O filme propõe uma viagem ao passado e conta a história de um pai e uma filha que viajam da Dinamarca para um paraíso chamado Jauja. Ela foge apaixonada e o pai parte em uma violenta busca para encontrá-la. A única certeza é que todos que tentaram se encontrar neste lugar se perderam pelo caminho. A produção ganhou o prêmio da Federação Internacional de Imprensa Cinematográfica (Fripresci) em Cannes, em 2014.

Serviço:

Programação do Cine Cultura | 16 a 22 de julho

Ingressos: R$ 8 Inteira / R$ 4 Meia / Acima de 60 anos não pagam

Local: Cine Cultura – Centro Cultural Marieta Telles, Praça Cívica, nº 2.

Informações: 3201 – 4670


Jauja

Sessões:  17h (todos os dias);

Direção: Lisandro Alonso

Drama | 110min | Argentina/Brasil | Classificação: 12 anos

Sinopse: Um homem e sua filha embarcam numa viagem que tem como destino um deserto localizado no fim do mundo. Esta é uma empreitada na qual muitos já se aventuraram, mas poucos conseguiram concluir com sucesso.

 

Romance Policial [ESTREIA]

Sessões:  19h (todos os dias);

Direção: Jorge Duran

Drama | 98min | Brasil | Classificação: 14 anos

Sinopse: O funcionário público – e escritor nas horas vagas – Antônio (Daniel de Oliveira) viaja até o Deserto do Atacama, no Chile, em busca de inspiração para um conto. Acaba encontrando um corpo e é impedido de voltar ao Brasil. Ao se envolver com Florencia (Daniela Ramirez), uma moradora local, ele desvenda o crime e escreve sua grande obra.

Longa argentino Jauja estreia nesta quinta no Cine Cultura

O Cine Cultura estreia nesta quinta-feira, 9/7, o longa-metragem Jauja, do diretor argentino Lisandro Alonso. A obra será exibida nas sessões das 19 horas (de segunda a domingo). A produção Até que a Sbórnia nos Separe, de Otto Guerra, volta a grade do cinema na sessão das 17 horas (de segunda a domingo). O ingresso custa R$8 (inteira) e R$4 (meia). Entrada gratuita acima de 60 anos.

Na próxima terça-feira, 14, o Cine Cultura interrompe a programação para dar lugar ao lançamento do curta-metragem Horizontes, de Gabriel Newton, às 20 horas. Na quarta-feira, dia 15, as sessões voltam ao normal.

jauja-3

O longa Jauja é uma coprodução filmado em dois idiomas. A trama propõe uma viagem ao passado e conta a história de um pai e uma filha que viajam da Dinamarca para um paraíso chamado Jauja. Ela foge apaixonada e o pai parte em uma violenta busca para encontrá-la. A única certeza é que todos que tentaram se encontrar neste lugar se perderam pelo caminho. A produção ganhou o prêmio da Federação Internacional de Imprensa Cinematográfica (Fripresci) em Cannes, em 2014.

Lisandro Alonso, conhecido no circuito dos festivais internacionais por filmes como Liverpool (2008) e La libertad (2001), já dirigiu seis longas-metragens e um curta-metragem desde 2001 e é vagamente associado com o movimento Cinema Novo argentino.

O filme de animação Até que a Sbórnia nos separe retrata o drama de um pequeno país que sempre viveu isolado do resto do mundo, cercado por um grande muro que não permite o contato com os vizinhos. Um dia, no entanto, um acidente leva à queda do muro, e logo os sbornianos começam a descobrir os costumes modernos. Dois músicos locais, Kraunus (Hique Gomez) e Pletskaya (Nico Nicolaiewsky), observam as reações de seus conterrâneos: enquanto alguns adotam rapidamente a cultura estrangeira, outros preferem reafirmar as tradições sbornianas e resistir ao imperialismo.

Lançamento:

horizontes-lancamento-curtaHorizontes é um curta-metragem de ficção dirigido por Gabriel Newton e produzido por Agnosia e Estratos Filmes. O enredo fala de Jonas, um homem que passa a maior parte de seu tempo dentro de um escritório, não vive. Sua namorada, Beatriz, é a responsável por ser seus olhos. É através do telefone que ela partilha sua vida com ele para, no final de cada ligação, descrever um horizonte, que Jonas desenha. É a única forma que ele tem para conhecer o mundo. É assim que Jonas vive, sente.

Serviço:

Programação do Cine Cultura | 09 a 15 de julho

Ingressos: R$ 8 Inteira / R$ 4 Meia / Acima de 60 anos não pagam

Local: Cine Cultura – Centro Cultural Marieta Telles, Praça Cívica, nº 2.

Informações: 3201 – 4670


Até que a Sbórnia nos Separe

Sessões:  17h (todos os dias);

Direção: Otto Guerra e Ennio Torresan Jr

Animação/Comédia | 85min | Brasil | Classificação: 10 anos

Sinopse: Sbornia é um pequeno país que sempre viveu isolado do resto do mundo, cercado por um grande muro que não permite o contato com os vizinhos. Um dia, no entanto, um acidente leva à queda do muro, e logo os sbornianos começam a descobrir os costumes modernos. Dois músicos locais, Kraunus (Hique Gomez) e Pletskaya (Nico Nicolaiewsky), observam as reações de seus conterrâneos: enquanto alguns adotam rapidamente a cultura estrangeira, outros preferem reafirmar as tradições sbornianas e resistir ao imperialismo.

Jauja [ESTREIA]

Sessões:  19h (todos os dias);

Direção: Lisandro Alonso

Drama | 110min | Argentina/Brasil | Classificação: 12 anos

Sinopse: Um homem e sua filha embarcam numa viagem que tem como destino um deserto localizado no fim do mundo. Esta é uma empreitada na qual muitos já se aventuraram, mas poucos conseguiram concluir com sucesso.