Programação completa de março

ProgramacaoMarco

 

De 11/03 a 14/03:

– 16h00: CORPO E ALMA
– 19h00: PAULISTAS
– 20h30: TORQUATO NETO

***

De 15/03 a 21/03:

– 14h30: PAULISTAS
– 16h00: CORPO E ALMA
– 18h15: WESTERN
– 20h30: TORQUATO NETO – TODAS AS HORAS DO FIM

***

De 22/03 a 28/03:

– 15h00: NINGUÉM ESTÁ OLHANDO
– 17h00: O SILÊNCIO DA NOITE É QUE TEM SIDO TESTEMUNHA DAS MINHAS AMARGURAS
– 18h30: CORPO E ALMA
– 20h40: WESTERN

***

De 29/03 a 04/04:

– 15h30: O SILÊNCIO DA NOITE É QUE TEM SIDO TESTEMUNHA DAS MINHAS AMARGURAS
– 17h00: NINGUÉM ESTÁ OLHANDO
– 19h00: A LUTA DO SÉCULO
– 20h30: CORPO E ALMA

***

SINOPSES:

1) CORPO E ALMA (2017, Hungria, 18 anos, 116 min, dir: Ildikó Enyedi)

Duas pessoas descobrem que dividem o mesmo sonho todas as noites. Eles tentam recriar o que acontece durante a noite enquanto estão acordados.

2) PAULISTAS (2018, Brasil, 12 anos, 76 min, dir: Daniel Nolasco)

Paulistas e Soledade são duas regiões rurais localizadas no sul de Goiás. No começo da década de noventa o êxodo rural foi intensificado com a expansão da monocultura agrícola e a exploração dos recursos hídricos. Desde 2014, não existem mais jovens morando na região. Estamos em julho, mês de férias. Época em que os filhos visitam a casa dos pais.

3) TORQUATO NETO – TODAS AS HORAS DO FIM (2018, Brasil, 12 anos, 88 min, dir: Eduardo Ades e Marcus Fernando)

Torquato Neto (1944-1972) vivia apaixonadamente as rupturas. Atuando em múltiplas frentes – no cinema, na música, no jornalismo –, o poeta piauiense engajou-se ativamente na revolução que mudou os rumos da cultura brasileira nos anos 60 e 70. Foi um dos pensadores e letristas mais ativos da Tropicália, parceiro de Gilberto Gil, Caetano Veloso e Jards Macalé. Junto à arte marginal, radicalizou sua atuação e crítica cultural, com Waly Salomão, Ivan Cardoso e Hélio Oiticica. Por fim, rompe com sua própria vida. Suicida-se no dia de seu aniversário de 28 anos.

4) WESTERN (2017, Alemanha/Bulgária/Áustria, 12 anos, 119 min, dir: Valeska Grisebach)

Um grupo de operários alemães vai trabalhar em uma construção na fronteira entre a Bulgária e a Grécia. Esta terra estrangeira e sua bela paisagem despertam o espírito de aventura dos homens; porém, eles também precisam encarar seus próprios preconceitos e desconfianças devido à barreira do idioma e às diferenças culturais. O cenário torna-se rapidamente propício ao confronto quando os homens começam a competir pelo reconhecimento e favorecimento dos habitantes locais.

 

5) NINGUÉM ESTÁ OLHANDO (2017, Argentina/Brasil, 14 anos, 102 min, dir: Julia Solomonoff)

Nico, um ator argentino de televisão de sucesso em seu país, tenta sorte em Nova York, mas logo descobre que não encaixa no clichê do ator latino. Sua boa aparência o ajuda a esconder a solidão e a vida precária. Ele sobrevive de bicos e trabalhando como baby-sitter, cuidando do menino Theo. Conhece um grupo de babás latinas no parque que frequenta e entra em contato com as experiências dos imigrantes, muito mais difícil que o confronto com a natureza destrutiva de seu autoexílio.

 

6) O SILÊNCIO DA NOITE É QUE TEM SIDO TESTEMUNHA DAS MINHAS AMARGURAS (2018, Brasil, 16 anos, 80 min, dir: Petrônio Lorena)

A poesia da vida cotidiana das pessoas que vivem nas cidades de São José do Egito e Ouro Velho e Prata, que fazem fronteira com Pernambuco e Paraíba, respectivamente. Um povo cercado por histórias poéticas e de cantoria. Uma memória aos vates do sertão que enche o local com música e poesia.

 

7) A LUTA DO SÉCULO (2018, Brasil, 12 anos, 78 min, dir: Sérgio Machado)

O documentário narra a trajetória dos pugilistas Reginaldo Holyfield e Luciano Todo Duro, que encontraram no boxe uma maneira de escapar da miséria e tornaram-se dois dos maiores ídolos do esporte nordestino.

 

***

Ingresso valor gente boa: 8 reais inteira, 4 reais meia. Às segundas todo mundo paga meia. Apenas dinheiro, então por favor sejam legais e nos ajudem no troco. Valeu!

Anúncios

Sobre Cine Cultura

O Cine Cultura é um cinema público localizado na Praça Cívica, no centro de Goiânia. O cinema foi inaugurado em 15 de julho de 1989 e desde então se tornou uma referência em cinema de arte em Goiás. Sua programação privilegia filmes raros, só possíveis de serem mostrados fora de um circuito comercial hegemônico.

Publicado em 12 de março de 2018, em Programação. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: